Equipe unida é sinônimo de sucesso. Foi assim com o projeto de modernização e ampliação da Subestação Taubaté, executada pela Divisão de Transmissão da Medral. A obra foi entregue à CTEEP – Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista no final de 2017, um mês antes do prazo previsto em contrato.

A Subestação Taubaté faz parte do SIN (Sistema Interligado Nacional) e é responsável pelo abastecimento de energia no Vale do Paraíba, em São Paulo. O projeto teve por objetivo reforçar o SIN, melhorando as instalações e trazendo mais segurança no fornecimento de eletricidade para a região.

A primeira etapa do trabalho foi a reconstrução do vão do paralelo de 230 kV, que envolveu a substituição de todos os equipamentos, barramentos aéreos e sistemas de proteção, controle e supervisão. A seguir, foi concluída a instalação de um grupo gerador a diesel de 750 kVA.

A fase mais desafiadora e importante da obra foi a implantação de um banco de autotransformadores de 440-230 kV – 750 MVA, seus módulos de conexão de 440 kV e 230 kV e seus respectivos sistemas de proteção, controle e supervisão. Além do curto tempo de execução, a região viveu um período de chuvas no segundo semestre de 2017, o que atrapalhou as obras.

Mostrando sua capacidade e garra, a equipe da Medral superou os obstáculos e colocou em operação o segundo banco de autotransformadores de 440-230 kV – 750 MVA. Nessa etapa final, foram substituídas três unidades de autotransformadores de 100 MVA por três novas unidades de 250 MVA. Também foram realizadas adequações no módulo de conexão de 440 kV, construído o módulo de conexão de 230 kV e substituídos seu respectivos sistemas de proteção, controle e supervisão.

Principais números do projeto

  • 78 profissionais da Medral trabalharam na obra, em suas diferentes etapas
  • 7 unidades de autotransformadores de 440-230 kV, somando 250 MVA
  • 1 grupo gerador a diesel de 750 kVA
  • 2,8 milhões de pessoas atendidas na região do Vale do Paraíba