NOSSA HISTÓRIA

A MEDRAL foi criada em 1961, em Dracena (SP), por um empreendedor visionário, Antonio Gonzalez Filho. Numa época em que as cidades careciam de energia elétrica para se desenvolver, ele acreditava que o futuro desse setor passaria pela terceirização da execução de obras.

Tudo começou com uma loja de materiais elétricos. Em seguida, a empresa iniciou o trabalho de instalações elétricas rurais, superando desafios gigantescos para transportar postes e equipamentos e alojar trabalhadores em regiões de difícil acesso. Com essa atuação, possibilitou a chegada da luz a populações que, até então, viviam sem energia.

Como evolução desse trabalho, a MEDRAL foi uma das primeiras empresa de engenharia, no país, a prestar serviços de instalação, corte e religa para concessionárias de energia elétrica. Mais tarde, tornou-se, também, pioneira na realização de obras em linha viva (energizada) e em redes subterrâneas. Até então, as companhias não contratavam fornecedores para essas atividades.

Depois de consolidar-se no interior paulista, a empresa foi, aos poucos, expandindo sua atuação para outras regiões e ampliando seu portfólio de serviços, que passaram a abranger as áreas de construção e manutenção de redes de distribuição aéreas energizadas, desenergizadas e subterrâneas, linhas de transmissão, iluminação pública, manutenção de transformadores, caldeiraria (fabricação de tanques, radiadores, terminais elétricos e acessórios para transformadores), regeneração de óleo isolante, serviços técnicos comerciais, podas de árvores, geoprocessamento e serviços ambientais.

Dessa maneira, tem contribuído para que concessionárias, órgãos públicos e empresas conectadas ao sistema elétrico possam se concentrar na gestão de suas atividades centrais. Também tem contribuído para o aumento da vida útil de transformadores, reduzindo os impactos ambientais relativos ao descarte desses equipamentos. Leia mais aqui.

Confira, a seguir, a linha do tempo com os destaques de nossa trajetória.